Começa a Vacinação contra a Covid19 do Povo Yanomami de Maturacá

#ProjetoPIACC • Na sexta-feira (26 de Fevereiro), as comunidades Yanomami de Maturacá, Ariabú, Auxiliadora, Maiá, Nazaré, Inambú, Mafi, Ayari, Cachoeirinha e Santa Maria, localizadas na região do Parque Nacional do Pico da Neblina, no município de São Gabriel da Cachoeira (AM), receberam a segunda dose da vacina CoronaVac.

Após a comunidade de Maturacá receber a segunda dose da vacina, nossos parentes estão mais tranquilos e felizes, porque diminuiram drásticamente os casos de Covid19. A epidemia em Maturacá foi bem forte e muita gente ficou doente, levando ao falecimento de 04 adultos e 6 crianças.

Estou feliz com a chegada da vacina, e agradeço a todos os professionais de saúde, em especial a enfermeira Eliane Sanchez e instituições que estão na linha de frente de combate ao covid19, aos médicos pela preocupação pelo povo Yanomami de Maturacá. Eu estou fazendo todos os dias rituais de cura para proteger as comunidades Yanomami, mesmo de longe eu agradeco ao Instituto Butantan e aos parceiros: @foirn, @unicefbrasil, @oficialfiocruz, @coiabamazonia, Secretaria de Saúde de São Gabriel da Cachoeira, SESAI, @funaioficial e @socioambiental, pela segunda dose da vacina Covid19. Espero que aqueles que se esforçaram para fazer e comprar a vacina, um dia possam nos conhecer e pisar nossa terra. Estou muito agradecido também pelos kits de higiene doados pelas instituições: @foirn, @unicefbrasil, @oficialfiocruz, @coiabamazonia, @socioambiental, meu povo esta feliz.” diz Tuxaua Carlos Fernandes (Comunidade Maturacá).

A pesar das notícias falsas que chegavam na comunidade em contra da vacinação, que falavam sobre os efeitos colaterais da vacina (por exemplo, que iriam virar morcego), isto não foi suficiente para convencer nossos parentes. O retorno positivo da comunidade na cooperação da campanha de vacinação foi muito favorável.

O povo Yanomami de Maturacá tem em seu passado marcas desde o primeiro contato, de outras doenças trazidas pelos brancos (napë), entre elas a malária e sarampo, que quase dizimaram algumas comunidades.

📸 Quem acompanhou a ação foi @valdemar.lins.35, jovem comunicador indígena do projeto PIACC e mobilizador da região Yanomami do Alto Rio Negro em São Gabriel da Cachoeira. O registro fotógrafico é de @edmarmateusde.

#noscuidamos
#rionegro
#jovenscomunicadoresindigenas
#covid19
#rionegrosemcovid

Publicado por linsyanomami

Coordenador do Projeto Yaripo Ecoturismo Yanomami

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: